O que não perguntar para potenciais colegas em uma entrevista

O que não perguntar para potenciais colegas em uma entrevista

O gerente de contratação geralmente apresenta o candidato aos seus potenciais colegas quando ele está perto de fazer a oferta de emprego, mas ainda quer garantir que ele se ajusta à cultura da equipe.

Ser apresentado a seus colegas em potencial é uma ótima oportunidade para você conhecer melhor a empresa, a equipe que você vai trabalhar e decidir se este lugar está de acordo com seus objetivos. Porém, muitos candidatos cometem erros nesta fase porque acham que a vaga já está garantida. Como consequência, acabam fazendo perguntas impulsivas, causando uma impressão negativa e prejudicando suas chances de sucesso.

Então, o que você não deve perguntar para potenciais colegas durante uma entrevista? Veja a seguir:

“Com que frequência as pessoas saem da empresa?” 

É compreensível querer saber sobre a rotatividade dos empregados. Mas perguntar com que frequência as pessoas saem da empresa pode soar pessimista. Por outro lado, você pode abordar a questão da seguinte forma:

1. "Há quanto tempo você trabalha aqui?"

2. "Por quanto tempo o meu antecessor trabalhou nesta função?"

Essas perguntas mostrarão que você é inquisitivo e profissional, e as respostas fornecerão as informações que você está procurando.

"Você foi promovido desde que se juntou à empresa?"

Como a maioria dos candidatos, você também deve estar interessado em saber se os empregados têm a oportunidade de crescer profissionalmente nesta empresa.

Durante uma entrevista, no entanto, demonstre que você tem esta ambição se a oferta de emprego acontecer. Afinal, sua prioridade ainda é conseguir o cargo. Portanto, faça perguntas mais abertas, menos diretas, para ter uma ideia melhor das oportunidades disponíveis, tais como: 

1. "Você trabalha no mesmo cargo desde que entrou aqui?"

2. "Você acredita que teve a chance de expandir suas habilidades neste trabalho?"

3. "Como seu papel se modificou desde que você se juntou à empresa?"

“O que você não gosta em trabalhar aqui?” 

Você pode se sentir propenso a fazer esta pergunta para dedicir se você realmente quer trabalhar para esta empresa. Mas lembre-se, a maioria dos funcionários é profissional o suficiente para não falar negativamente sobre seu empregador. Em vez disso, opte por questões mais diplomáticas, por exemplo:

1. "Que tipo de obstáculos você e sua equipe enfrentam regularmente, e como você os supera?"

2. "Qual é a parte mais desafiadora da sua função?"

"Você gosta de todos os colaboradores daqui?" 

Perguntas como "Você gosta de todos aqui?” ou “Você se dá bem com todos?" também podem ser mal-interpretadas e fazer você parecer antagônico aos valores da empresa ou até mesmo fofoqueiro. As alternativas abaixo, por outro lado, são mais neutras:

1. "Como você descreveria a dinâmica de equipe?"

2. "Vocês socializam um com o outro fora do trabalho?"

3. "Qual a característica mais importante que alguém deve ter para se juntar à equipe?"

4. "Como você descreveria a cultura da empresa?"

"Quais são as recompensas que você recebe da empresa?" 

Como muitos candidatos, você pode ter curiosidade para saber sobre as recompensas oferecidas pela empresa. Porém, não pergunte a seus colegas sobre questões financeiras, férias ou benefícios, pois pode soar presunçoso e pouco profissional. Estes assuntos devem ser discutidos com seu gerente de contratação e seu recrutador.

As perguntas abaixo, no entanto, são mais abertas e podem estimular respostas que revelem informações, possivelmente sobre as recompensas oferecidas, mas também sobre os valores da empresa:

1. "Qual o seu aspecto favorito em trabalhar para esta empresa?"

2. "Como vocês comemoram êxitos e sucessos aqui?"

Por fim, seja autêntico

Embora seja importante filtrar suas perguntas, não filtre sua personalidade. O propósito de você ser apresentado aos seus potenciais colegas é para ambos os lados avaliar se você se ajusta à equipe. E para obter uma imagem precisa disso, você deve ser autêntico.

Dean Stallard

Managing Director, Hays Hong Kong